O secretário de Esporte, Lazer e Juventude (Sejuv) de Camaçari, Jorge Curvelo, afirmou durante uma entrevista ao Bahia no Ar, na tarde desta quarta-feira (3), que a maior dificuldade para engajar o esporte no município é a falta de profissionais.

Jorge também revelou que busca recuperar campos, quadras e áreas de lazer de Camaçari, que se depreciaram ao longo dos tempos. Atualmente, o esporte agoniza na cidade, em meio à pandemia, realizar as ações planejadas ficaram mais difíceis, de acordo com o secretário.

“A falta de material humano é a maior dificuldade. Estamos buscando melhorias e profissionais da área para nos dar esse apoio. Camaçari cresceu muito, temos mais de 300 mil habitantes e precisamos levar o esporte para toda a população”, disse o entrevistado.

Curvelo também assumiu que a área rural de Camaçari tende ser esquecida e é pouco alcançada e pretende levar recursos e atividades nos locais mais afetados e distantes de espaços de lazer.

Sobre o Estádio Fernando Ferreira Lopes, antigo Armando Oliveira, que também agoniza no município, Jorge Curvelo revelou que o equipamento está sendo recuperado e que parte do gramando já está ponto e outras obras serão feitas para recuperar as atividades no espaço.

0 0 votos
Article Rating