Na manhã desta terça-feira (7), um grupo de funcionários da Refinaria Landulpho Alves-Mataripe, em Candeias, realizou uma paralisação na entrada da unidade. O motivo do protesto seria contra a venda do empreendimento.

A manifestação ocorreu por volta das 9h, no Trevo da Resistência, via de acesso pela BA-523 à refinaria. O ato não causou interferência no trânsito da região.

A venda da refinaria foi anunciada em abril do ano passado pela Petrobras, que alegou a não geração de lucro por parte da unidade. Dados apontam que a Landulpho Alves-Mataripe teve queda de 70% na produção entre 2014 e 2019. Além dela, outras sete refinarias foram vendidas.

0 0 voto
Article Rating