O governo do presidente Jair Bolsonaro prepara algumas medidas para trazer de volta os sorteios de prêmios às TVs através de ligações telefônicas. De acordo com informações da Folha, as emissoras aliadas estão pressionando, sobretudo, a principal interessada, a Rede TV!. Se enquadram ainda a Record, o SBT e a Band.

A volta do negócio é vista pelas emissoras como uma estratégia de gerar novas receitas.

Presentemente, a Justiça proibiu esse tipo de sorteio, tendo em vista que essa prática seria nociva ao consumidor.

Ano passado, no mês de dezembro, se reuniram no Palácio do Planalto Amilcare Dallevo Jr. (dono e presidente da Rede TV!), José Roberto Maciel (presidente do SBT), Luis Cláudio Costa (presidente da Record), e Paulo Saad Jafet (vice-presidente da Band).

Após o encontro, a Casa Civil deu início a preparação da minuta de uma Medida Provisória (MP), relacionada ao tema. O texto, que está pronto e já foi enviado ao Ministério da Economia, sob o comando de Paulo Guedes, aguarda apenas a decisão de Bolsonaro para ser publicado.

Ainda de acordo com reportagem da Folha, a minuta é, na verdade, uma tentativa de resolução de um impasse imposto pela Justiça, levando em consideração que no fim dos anos 1990 proibiu os sorteios na TV por considerá-los nocivos ao consumidor.

 

0 0 voto
Article Rating