O ex-prefeito de Salvador e pré-candidato ao governo da Bahia, ACM Neto (UB) é alvo de uma ação do Ministério Público Eleitoral (MPE).

De acordo com o MPE, a denúncia é contra uma suposta propaganda eleitoral irregular no Instagram e diz que o partido União Brasil usou o tempo para promover Neto. A suspensão foi solicitada sob uma multa de R$ 10 mil diária.

Veja 

0 0 votos
Article Rating